segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

Manchester City v Stoke City - Preview



Barclays Premier League – 21ª Rodada
Data: Terça-feira – 01/01/2013
Local: Etihad Stadium
Horário: 13h (Brasília)
Transmissão: -----


Confrontos entre as duas equipes

Jogos em casa

ManCity: 26 vitórias
Stoke City: 6 vitórias
Empates: 11

City marcou 76 gols e sofreu 32.

  
Todos os jogos

ManCity: 43 vitórias
Stoke City: 35 vitórias
Empates: 23

City marcou 133 gols e sofreu 116.


Última partida no Etihad Stadium

Manchester City 3 X 0 Stoke City
Data: 21/12/2011


O Manchester City começa o ano em ritmo de competição. Os Blues jogam em casa contra o Stoke City amanhã.

Com alguns tropeços pelo caminho, o City está a 7 pontos de distância do United, que ocupa o primeiro lugar. Os Reds foram os responsáveis pela quebra da invencibilidade dos Blues nesta temporada.

Embora com 29 pontos, os Potters sofreram somente 3 derrotas, todas fora de casa, e ocupam o 8º lugar.


Curiosidades: 

- A última vez que o Stoke venceu os Blues fora de casa foi em 22 de outubro de 1997, por 1 a 0.

- Nesta temporada, o Stoke tem somente uma vitória fora de casa até o momento (1 a 0 contra o West Bromwich).

- No Stoke, Geoff Cameron retorna após cumprir uma suspensão por acumular cinco cartões amarelos e poderá substituir Ryan Shotton.

- O meia Steven Nzonzi estará disponível depois de apelar contra a expulsão no sábado, quando ele recebeu um cartão vermelho no confronto com o Southampton.

- Samir Nasri ficará suspenso por 3 partidas devido ao cartão vermelho no jogo contra o Norwich no último sábado.

- Quatro dos seis últimos confrontos na Premier League entre o Manchester City e o Stoke terminaram empatados em 1 a 1, inclusive os dois últimos.

- Somente o Queens Park Rangers (11) recebeu mais cartões vermelhos na Premier League nesta temporada que o City (7).

- O Stoke sofreu somente 17 gols na Premier nesta temporada, o mesmo número que o Real Madrid.

- O Stoke não perde a 10 jogos. A última derrota foi contra o Norwich, por 1 a 0.


Possíveis escalações:

Manchester City: Hart; Zabaleta, Kompany, Nastasic, Clichy; Milner, Garcia; Agüero, Y Touré, Silva; Dzeko. 

Stoke City: Begovic, Cameron, Huth, Shawcross, Wilkinson, Whelan, Adam, Kightly, Walters, Etherington, Jones.


Não jogam:

Manchester City: Richards (joelho), Rodwell (tendão), Nasri (expulsão), Kolarov (perna), Maicon (joelho).
Dúvida: Balotelli (indisposição)

Stoke City: Rory Delap (hérnia), Marc Wilson (perna quebrada).



sábado, 29 de dezembro de 2012

Dzeko marca 3 gols e garante vitória do City contra o Norwich



Nesta partida Dzeko provou que não joga bem somente quando sai do banco de reservas. O bósnio foi o autor de 3 dos 4 gols dos Blues contra o Norwich pela 20ª rodada da Premier League. Embora o City tenha aberto vantagem com dois gols antes mesmo dos 5 minutos de jogo, os Canaries não deram trégua durante os 96 minutos (e 40 e tantos segundos). Com o resultado final de 3 a 4 no Carrow Road, os Blues se mantém 7 pontos atrás do United.

A bola mal tinha começado a rolar quando o placar foi aberto. Dzeko marcou após receber um passe de David Silva aos 2 minutos.


Bem rápido, os Blues abriram vantagem. Kompany avançou, antes mesmo do meio do campo, e tocou para o Agüero. O argentino correu e conseguiu tirar o goleiro Ruddy, deixando o gol do Norwich desprotegido. Agüero voltou com a bola e tocou para Dzeko. O bósnio marcou com um chute certeiro do pé direito, sem se preocupar com a marcação, aos 5 minutos.


Não demorou tanto para o Norwich diminuir. Aos 14 minutos, Pilkington cobrou uma falta. A bola desviou em Clichy, que estava próximo à barreira, e Joe Hart, que tinha pulado para o lado esquerdo, não conseguiu voltar para o centro para defender.


Os Blues continuaram a atacar de forma incisiva e não permitiam que o Norwich ganhasse espaço e tentasse o empate. Os Canaries mantinham a defesa muito recuada e fechada, mas a estratégia não era um empecilho para a troca de bons passes dentro da área dos anfitriões. Os Citizens conseguiam trabalhar a bola tranquilamente e tentar bons chutes a gol.

Em disputa de bola, Bassong levou cartão amarelo ao derrubar Nasri, com uma jogada dura. Os dois se enfrentaram e ficaram se encarando. Ambos mencionavam dar uma cabeçada no outro. Nasri se mostrou um pouco mais alterado, sendo afastado por Kompany e Silva, que apartaram o confronto. O bandeirinha apontou agressão por parte de Nasri. O árbitro Mike Jones expulsou o francês aos 43 minutos. Bassong somente recebeu cartão amarelo, mesmo tendo agido da mesma maneira que o citizen.



Em menos de 5 minutos do segundo tempo, Agüero marcou seu próprio gol. Novamente ele aproveitou a saída adiantada do goleiro Ruddy. O argentino deu um toque leve, mas estratégico, e marcou tranquilamente.


O Norwich diminuiu com o gol de cabeça de Martin. O escocês aproveitou o toque, também de cabeça, dado por Bassong e não deu chance para a defesa de Joe Hart. Os Canaries deixaram o placar em 3 a 2 para o City aos 68 minutos.


Dzeko logo aumentou novamente. Marcando seu terceiro gol na partida, o bósnio recebeu um passe distante de Clichy, que estava no meio do campo. Dzeko estava bem posicionado e sem marcação. O quarto gol do City veio fácil, somente dois minutos depois do Norwich ter marcado.


Na cobrança de escanteio do Norwich, a defesa do City e o ataque dos Canaries se embolaram dentro da pequena área. Whittaker tentou marcar, mas deixou na defesa. No rebote, Bradley Johnson que estava mais distante tentou finalizar. Martin achou a bola no meio do tumulto e marcou seu segundo gol na partida, o terceiro dos Canaries, aos 76 minutos.


Os acréscimos deveriam durar 5 minutos, mas o árbitro Mike Jones encerrou a partida quando o marcador estava perto de alcançar os 97 minutos. O Norwich tentava o empate enquanto o Manchester City tentava ampliar. Embora os dois times tenham se esforçado para marcar mais um gol, o placar final ficou em 4 a 3 para os Blues.


sexta-feira, 28 de dezembro de 2012

Queremos o verdadeiro Yaya Toure de volta!


Estamos em segundo na Premier League, não é nada catastrófico pois a temporada é longa, mas algo vem contribuindo para isso e principalmente algo vem incomodando não só a mim mas a todos os torcedores do City: as atuações de Yaya Toure.

Hoje é surpresa o dia em que ele joga bem, a partida contra o Sunderland foi um exemplo do Yaya da temporada 2012-13. O jogador está lento, prende demais a bola, falta de dinamismo, nenhum propósito para seu jogo. Para alguém com sua habilidade se espera mais.

Esses dias conversando com alguns torcedores do City eu vi esse artigo do David Mooney, que praticamente tem a mesma opinião que a minha, então resolvi colocar aqui, mudei alguns dados do texto original pois ele foi escrito no dia 13 de dezembro.

Posso estar prestes a dizer algo que é considerado blasfêmia entre os torcedores do Manchester City, mas é algo que tem me incomodado por uma grande parte da atual temporada. Isso poderia ser semelhante a ir numa festa e anunciar que você acabou de mijar no ponche, mas mesmo assim vou falar.

Agora, isso poderia nos gerar algum problema pelo número de meio-campistas que temos no elenco no momento, por isso tenho que falar isso hipoteticamente, por enquanto. Tenho assistido os blues, e cheguei a conclusão de que, se eu estivesse no lugar do Roberto Mancini eu ia pensar seriamente em colocar o Yaya Toure no banco.

O meio-campista destrutivo, que rompeu ataques e entrou facilmente nas defesas adversárias como uma faca quente corta uma manteiga na última temporada, esteve ausente até o momento. Com a possível excessão da viagem para o Santiago Bernabeu e o jogo contra o Newcastle, as performances do Yaya Toure na temporada 2012-13 foram apenas medianas.

Tirando sua arrancada contra o Real Madrid onde deixou o Edin Dzeko pronto para fazer o gol, o seu passe milimétrico para Nasri com o Newcastle, e também seu gol, eu estou lutando para pensar em outra ocasião em que ele tenha sido o diferencial para a equipe.

No entanto, ele era uma arma extremamente potente quando conseguimos tirar os 8 pontos de desvantagem em abril passado.

Então o que aconteceu? Se formos analisar, pouco mudou. Ele ainda está começando alguns jogos como um médio-defensivo, cuja principal função é impedir os ataques adversários, mas ele ainda tem liçensa para atacar quando se há cobertura. Há circunstâncias atenuantes, quando se trata do impacto que Javi Garcia teve - o que na melhor das hipóteses, pode ser como descrito como o mínimo - o que significa que o jogador não pode usar sua força letal no ataque.

Mas o lado defensivo de seu jogo tornou-se, por falta de palavra melhor, preguiçoso. O número de vezes que ele deixou seu o adversário passar por ele, não correr para cobrir seu lado da defesa e proteger os defensores, ou simplesmente não voltar para a defesa depois de um ataque está se tornando cada vez maior.

Eu estive observando como no lado esquerdo do meio-campo, Gareth Barry tem se matado para oferecer Nastasic/Lescott/Clichy proteção quando eles estão sofrendo pressão da equipe adversária.

No entanto, do outro lado do campo, eu testemunhei Kompany/Zabaleta/Maicon ficarem desprotegidos, e com Yaya geralmente apontando para homem que ele deveria justamente estar marcando para ajudar. Parece haver pouca urgência com ele, o que está deixando o City exposto. É frustante para assistir, porque é claro que ele pode fazer o seu lado defensivo em alto nível, mas ele parece desinteressado este ano, seja através de cansaço, lesão ou apatia, quem sabe.

De qualquer maneira, ele não parece estar envolvido no que está acontecendo em campo. É quase como que ele não deseja fazer os trabalhos defensivos, e está escolhendo quais os aspectos dos jogos que deseja fazer. Naturalmente, eu não acredito que isso seja o caso, ou que me leva a pensar que ele é, ao contrário, esforçado para fazê-lo.

Agora vem o grande problema, ele tem feito muito pouco para influenciar o resultado de um jogo. Ele se tornou alguém que está na equipe porque pode fazer algo brilhante durante a partida, mas assim como um voo lotado, há muito pouco espaço para passageiros em uma equipe que pretende estar no topo da Premier no final de maio.

Nós sabemos que daqui uns dia ele vai para a Copa das Nações Africanas e vai perder várias partidas pelo City, então vamos começar a dizer o quanto ele faz falta para a equipe. Mas não há nenhuma razão em ter um jogador em campo que vem contribuindo tão pouco para a equipe, por qualquer motivo.

Javi Garcia ainda não se adaptou ao futebol inglês. Jack Rodwell não teve muitas chances, "graças a sua lesão". James Milner ficou muito tempo fora por causa de lesões. Ficou claro que nossas opções são poucas no momento, mas eu preferia dar uma chance para o Rodwell se ele estivesse disponível, ou até o Garcia, do que começar com Yaya no momento.

Embora seja verdade que nós sentimos muito a falta do Yaya quando ele esteve em Janeiro passado com a Costa do Marfim, mas podemos argumentar que atualmente sentimos sua falta, mesmo ele estando na equipe. É como se ele se tornasse complacente com sua posição na equipe titular, porque ele e Roberto Mancini sabem que no seu dia o Yaya é único, nenhum meio-campista do mundo chega perto do seu estilo de jogo, no momento ele está a descansar e não mostrando toda a sua habilidade.

Nós queremos o verdadeiro Yaya Toure de volta.

Talvez a maneira de isso acontecer é fazer que ele perceba que não é intocável na equipe titular.

Norwich City x Manchester City-Preview


Barclays Premier League - Rodada 20
Data: Sábado - 29/12/12
Local: Carrow Road - Norwich
Horário: 13:00h(Brasília)
Transmissão: ESPN Brasil
Árbitro: Mike Jones


Confronto entre as duas equipes


Jogos fora de casa

ManCity: 8 vitórias
Norwich: 5 vitórias
Empates: 13

ManCity marcou 36 gols e sofreu 31

Todos os jogos

ManCity: 26 vitórias
Norwich: 7 vitórias
Empates: 19 empates

ManCity marcou  94 gols e sofreu 51.

Última partida no Carrow Road

Norwich City 1x6 Manchester City
Tevez 18´, 37´, 80´
Aguero 27´, 75´
A. Johnson 93´

Temporada passada o Manchester City foi até Norwich precisando da vitória para ainda sonhar com o título, e a equipe foi fantástica aplicando uma sonora goleada. De novo o City vai para o Carrow Road precisando apenas da vitória.

A vantagem do United subiu para 7 pontos na última rodada e eles vão enfrentar o WBA em casa, quer dizer, não podemos deixar a vantagem subir para 10 pontos, mas para isso não acontecer precisamos que nosso ataque volte a funcionar, como aconteceu na última partida no estádio.

Prováveis escalações:

Norwich: Bunn, Martin, Bassong, Turner, Garrido, Tettey, Johnson, Snodgrass, Hoolahan, Pilkington e Holt.

Manchester City: Hart, Zabaleta, Kompany, Nastasic, Clichy, Barry, Yaya, Nasri, David Silva, Tevez e Aguero.

Curiosidades:

* Aguero, Tevez, Dzeko e Balotelli marcaram apenas 3 gols entre eles nas últimos 3 jogos.

* O time de Roberto Mancini ficou sem marcar gols nessa temporada em apenas 3 partidas.

* O time do Norwich perdeu os últimos dois jogos.



quarta-feira, 26 de dezembro de 2012

Contra o Sunderland, City sofre sua segunda derrota na temporada

Pela 19º rodada da Premier, a equipe perdeu por 1x0 e viu seu rival, Manchester United, abrir 7 pontos de vantagem na ponta da tabela, já que venceu o Newcastle por 4x3.


 

O time começou bem na partida, mantendo a posse de bola e dominando o jogo. As finalizações, porém, deixaram a desejar. A primeira chance de abrir o placar foi na cabeçada de Kompany, aos 7 minutos, direto no travessão. Dois minutos depois, outra chance foi desperdiçada em uma cobrança de falta que Silva bateu pra fora.

Aos 12 minutos, o goleiro Mignolet defendeu um chute de Toure de fora da área. A primeira chance do Sunderland veio somente aos 24 minutos, mas sem grande perigo para Hart. Aos 27 minutos, Zabaleta disputou uma bola com Flatcher no campo de defesa e ficou com um corte na testa. O jogador recebeu atendimento médico e com a mesma raça voltou para a partida.
 

Dos 30 minutos em diante, o jogo ficou equilibrado, o Sunderland criou chances de gols e colocou a defesa do City para trabalhar. O ataque do City continuou falhando nos passes e nas finalizações. Aos 42 minutos, Kompany recebeu cartão amarelo por fazer uma falta na entrada da área. Nas reclamações, Yaya também recebeu cartão.

 

O segundo tempo começou muito equilibrado, mas o Sunderland precisou de apenas 7 minutos para abrir o placar. De fora da área, o ex citizen Adam Johnson bateu, Hart errou a mira e a bola entrou. Na jogada que originou o gol, houve uma falta não marcada em Zabaleta.

Aos 57 minutos, Nastasic recebeu o terceiro cartão amarelo do City por uma falta em Fletcher. O time da casa fechou sua defesa e formou uma muralha que impediu as tentativas seguidas de finalizações dos blues. Aos 72 minutos, Dzeko entrou no lugar de Tevez, que esteve muito mal na partida. Em menos de 5 minutos, Hart fez duas defesas incríveis. Aos 86, Kolo Toure, que trocava passos lentamente, deu lugar a Barry. Precisando investir nas finalizações das bolas aéreas, Mancini tirou Javi Garcia e colocou Lescott. Nos minutos finais, Hart também foi ao ataque para ajudar a equipe, mas o empate não veio.


Mesmo pressionando muito, faltou objetividade no ataque do City. O resultado deixou a equipe 7 pontos atrás do Manchester United e a briga pela liderança ficou um pouco mais complicada. O próximo desafio pela Premier será no sábado (29), contra o Norwich. Temos que correr atrás do prejuízo e somar esses três pontos importantes na busca pelo primeiro lugar.

terça-feira, 25 de dezembro de 2012

Sunderland v Manchester City - Preview




Barclays Premier League – 19ª Rodada
Data: Quarta-feira – 26/12/2012
Local: Stadium of Light
Horário: 11h (Brasília)
Transmissão: ------
Árbitro: Kevin Friend


Confrontos entre as duas equipes

Jogos fora de casa

ManCity: 17 vitórias
Sunderland: 33 vitórias
Empates: 11

City marcou 88 gols e sofreu 108.



Todos os jogos

ManCity: 62 vitórias
Sunderland: 48 vitórias
Empates: 25

City marcou 229 gols e sofreu 198.



Última partida no Stadium of Light

Sunderland 1 x 0 Manchester City 
Data: 01/01/2012


Logo após perder a invencibilidade para o Chelsea, os Blues tiveram azar com os Black Cats e sofreram a segunda derrota na temporada passada. Com o gol de Ji aos 93 minutos os Citizens perderam 3 pontos, mas ainda se mantiveram líderes do campeonato.

Embora o confronto no Stadium of Light não tenha sido favorável ao City, nesta temporada, quando os dois se enfrentaram no Etihad Stadium na 7ª rodada, o Sunderland perdeu por 3 a 0.

Depois do gol apertado de Barry aos 92 minutos contra o lanterna Reading, não é hora de subestimar a técnica de nenhum time do campeonato. Agora, com apenas 4 pontos atrás do United, é preciso se empenhar ainda mais na busca de outro título.


Curiosidades: 

- Sunderland venceu apenas um dos últimos oito jogos no Boxing Day.

- City venceu em quatro dos últimos cinco jogos no Boxing Day e empatou um.

- Sunderland venceu apenas dois dos últimos doze jogos da Premier League no Stadium of Light. Foram seis empates e quatro derrotas.

- Depois de ficar no banco na partida do fim de semana, o capitão Kompany (lesionado na virilha) tem grandes chances de voltar. 


Possíveis escalações:

Sunderland: Mignolet; Bardsley, Cuellar, O'Shea, Rose; Johnson, Larsson, Gardner, McClean; Sessegnon, Fletcher. 

Manchester City: Hart; Zabaleta, Kompany, Nastasic, Clichy; Milner, Garcia; Agüero, Y Touré, Silva; Tevez. 


Não jogam:

Sunderland: Brown (joelho), Cattermole (joelho). 
Dúvida: Adam Johnson (perna), Larsson (joelho). 

Manchester City: Richards (joelho), Rodwell (tendão), Nasri (virilha). 
Dúvida: Balotelli (indisposição), Kolarov (perna).


sexta-feira, 21 de dezembro de 2012

Mancini encerra nova polêmica de Balotelli




Roberto Mancini acredita que o atacante Mario Balotelli aceitou suas responsabilidades, deixando de lado o questionamento a uma multa aplicada pelo clube esta semana.

Balotelli concordou em pagar uma multa, correspondente a duas semanas de salários, por causa dos deslizes disciplinares da última temporada. Com isso, ele abandonou o apelo que fez a um tribunal da Premier League no meio da semana.

Um comunicado do clube disse que Mario tomou a decisão, em parte, por respeito a Mancini, mas o técnico e compatriota, que está completando três anos no cargo, está satisfeito que o jogador mostrou respeito por sua própria reputação.

Mancini disse: "Esta é uma situação antiga e é normal quando alguém erra que ele deva tomar as suas responsabilidades, Mario fez isso, é normal.”

"Ele (deve) respeitar a si mesmo, não a mim, porque é importante para ele respeitar a si mesmo, muito importante."


A situação aumentou a especulação de que o polêmico jogador poderia sair durante a janela de transferências do próximo mês, mas Mancini parece continuar a acreditar nele.

"Eu sou seu técnico, como dos outros jogadores, e se ele merece ter outras chances, vai tê-las."

Balotelli não participará do confronto deste final de semana contra o Reading, no Etihad Stadium, depois de perder alguns treinamentos nos últimos dias com um problema viral.

"Este fim de semana Mario, infelizmente, está doente. Ele veio esta manhã, mas não pode fazer nada."

Vindo da Inter de Milão em 2010, perdeu onze jogos competitivos na temporada passada por suspensão, sendo o motivo da punição financeira.

Balotelli tentou primeiramente um recurso interno contra a sanção, falhou, então exerceu seu direito de recorrer para a Premier League.

Haveria uma audiência planejada na última quarta-feira, mas esta foi cancelada depois de um acordo entre o clube e seus representantes alcançado no mesmo dia, e encerrando a questão.

fonte: Manchester Evening News


quinta-feira, 20 de dezembro de 2012

Roberto Mancini, 3 anos de glórias.



Roberto Mancini, amado, idolatrado, uma lenda em Manchester; mas questionado e odiado no Brasil.

Os ingleses já me perguntaram o porque do treinador não ser querido em terras brasileiras. Já me disseram que brasileiro sabe jogar futebol, mas não sabe analisar futebol.

Mas não venho aqui debater se Mancini é um Gênio ou um Professor Pardal, mas sim homenagear os 3 anos dele no comando do Manchester City.

Tudo começou na temporada 2009/10. Mark Hughes vinha fazendo um péssimo trabalho no City, a equipe vinha de 7 empates consecutivos quando conseguiu ganhar do Chelsea por 2x1 (estava presente nessa partida, que chuva tomei), depois a equipe empatou com o Bolton e perdeu para o Tottenham por 3x0 no White Hart Lane, foi quando a diretoria perdeu a paciência.

A demissão de Mark Hughes foi muito polêmica, pois no sábado, dia 19/12/09, os jornais anunciavam que o treinador seria demitido depois da partida contra o Sunderland, não importasse o resultado.

Hughes chegou ao Etihad e ficou sabendo que já estava demitido. A torcida toda já sabia, mas mesmo assim o galês comandou a equipe na vitória por 4x3.

Isso gerou um protesto dos jogadores que não gostaram da atitude do clube. A torcida, mesmo sabendo dos péssimos resultados, também achava que Hughes teria que ter mais tempo na equipe. A imprensa destruiu o City, dizendo que éramos o novo "Chelsea", que só sabia demitir treinadores, e que o Mancini não iria conseguir fazer um melhor trabalho do que o Hughes.

Mancini chegou no City com uma pressão do tamanho do mundo. Um clube com dinheiro, jogadores de cara virada para ele (Bellamy, Tevez, Given foram alguns deles), torcida desconfiada e imprensa que já tinha atirado a primeira pedra estava à espera do primeiro deslize.

Mas o treinador aceitou o projeto do Sheikh Mansour e, principalmente, fez ele virar realidade.

Sua primeira partida no comando da equipe foi contra o Stoke em casa, ganhamos por 2x0 com gols de Petrov e Tevez, e já vimos a diferença de mentalidade da equipe.

Mesmo pegando a equipe no meio da temporada o Roberto Mancini quase classificou o City para a Champions League. Ficamos em quinto lugar, perdendo a vaga para o Tottenham. Mas nessa temporada o fato mais importante foi que o treinador descobriu o Vincent Kompany zagueiro.

Na era Mark Hughes o belga jogava como volante (horrível), mas o italiano com seu conhecimento no futebol achou o lugar certo para o nosso capitão deslanchar seu futebol.

Chegamos na temporada 2010/11. Mancini trouxe Yaya Toure do Barcelona, Mario Balotelli da Inter e David Silva do Valência. O pequeno Merlin disse que antes de assinar com o City ele conversou com o Mancini, e o treinador disse que o espanhol iria desempenhar um papel diferente do que fazia na seleção espanhola e no clube espanhol, ele seria a referência no meio de campo e não mais um winger.
De novo Roberto Mancini acertou ao descobrir uma nova posição para o espanhol.

Roberto sabia que precisava da vaga na Champions League e ganhar um título, estava nos planos da equipe a FA Cup ou Europa League. O grupo sabia que ganhar a Premier League naquele ano ainda era algo muito distante.

Mancini começou a armar seu meio de campo com Barry, De Jong, Yaya e Silva, mais ai veio o bombardeio, começaram a chamar o treinador de retranqueiro por jogar com 3 volantes. Mas como sempre Mancini dá sua cartada de mestre, Yaya estava no meio como armador, atrás dos atacantes, e o que aconteceu??? Nasceu um novo Toure.

O marfinense foi fantástico nessa nova posição. A imprensa se admirou com seu futebol, todos conheciam o Yaya destruidor de jogadas e não o armador e goleador. Até o próprio jogador se admirou e ficou surpreso com seu novo desempenho. Toure se tornou um monstro, um dos melhores do mundo na posição, foi um dos principais responsáveis pela conquista da FA Cup, marcando gols na semi-final e final. De novo o mundo teve que engolir Mancini.

O treinador ainda conseguiu a classificação para a Champions League e terminamos a Premier junto com o mesmo número de pontos do Chelsea, só que ele tinham um saldo de gol melhor que nossa equipe, então ficamos com a terceira posição.

Temporada 2011/12, com o futebol da Champions no City, o clube pode trazer mais jogadores de qualidade. Nasri, Clichy e Aguero foram os principais nomes que chegaram.

E assim surge o novo Manchester City. A equipe começou a temporada apresentando um futebol de encher os olhos dos ingleses, goleada em cima de goleada, bons jogos, e, principalmente, não tomava gols.

Tudo estava perfeito para a equipe, mas infelizmente em campeonatos longos há sempre o desgaste, e nossa equipe sentiu. Os irmãos Toure foram para a CAN, Kompany tomou 4 jogos de suspensão injustamente, Tevez estava de férias, David Silva caiu de produção e Balotelli ficou também alguns jogos suspenso.

Tudo estava conspirando contra nós, e a derrota para o Arsenal por 1x0 no Emirates teria sido o golpe final, mas Roberto Mancini sabendo que sua equipe estava sentindo a pressão de ganhar uma Premier depois de 44 anos resolveu "entregar" o título.

O italiano começou a parabenizar o United pela conquista, fez o que poucos conseguiram fazer, usar o famoso "mind games" que Ferguson ama contra ele mesmo.

Não preciso nem dizer o que aconteceu no final, o United sucumbiu com sua soberba, e o City surgiu das cinzas para se tornar o Rei da Inglaterra.

Claro que nem tudo são flores. Sabemos dos problemas que temos na Champions League, mas os ingleses sabem que o nosso momento irá chegar, que primeiro precisamos ser pacientes.

Roberto Mancini aceitou pegar uma equipe que por muitos anos estava esquecida no mundo do futebol e trazer para a elite. O treinador conquistou o amor dos torcedores por seu apaixonado pelo que faz, e pelo amor clube.

Se ele chegou nesse patamar hoje foi porque trabalhou muito. Não foi fácil para ele no começo, e acredito que ainda não está sendo até hoje.

Nesses 3 anos o Roberto Mancini deu muitas alegrias aos torcedores e a mim, e só tenho que agradece-lo, e espero que os próximos 5 anos sejam ainda melhores.

PARABÉNS BOBBY MANCIO


Algumas estatísticas na era Mancini:

*O City ganhou 70 das suas 114 partidas na Premier League, uma porcentagem de 61.40%

*O City só perdeu uma vez duas partidas seguidas com o italiano, foi em outubro de 2010 contra Arsenal e Wolverhampton.

*A última vez que o City foi derrotado por mais de um gol de diferença foi em abril de 2011 contra o Liverpool, em Anfield (3x0).

*95 dos 226 gols do City foram marcados fora de casa.

*Em 114 jogos com o italiano no comando o City saiu na frente do placar 110 vezes.

*City ficou 2 anos sem perder no Etihad Stadium pela Premier League (37 jogos).

*As maiores goleadas do City com Roberto Mancini foram com os placares de 6x1 contra: Burnley, Norwich e United.

@Opta City providenciou as estatísticas.

Assuntos

#FollowTheCaptain (1) #ManchesterCity #ManchesterUnited #Derby #City #United #RoyKeane #Ferguson (1) #SemanaDoClássico (4) #TOGETHER (3) 11ª rodada da Premier League (8) 12ª rodada da Premier League (3) 12ª rodada da Premier League 2013/2014 (2) 13ª rodada da Premier League 2013/2014 (1) 13ª rodada Premier League (1) 13ª rodada. (1) 14ª rodada da Premier League 2013/2014 (1) 14ª rodada Premier League (3) 14ª rodada Premier League 2013/2014 (2) 15ª rodada da Premier League (2) 16ª da Premier League (1) 16ª rodada da Premier League (2) 17² rodada da Primier League (1) 17ª Premier League 2013/2014; Premier League; Premier League 2013/2014; Kompany (1) 17ª rodada da Premier League (2) 18ª rodada Premier League 2013/2014 (1) 19ª rodada da Premier League (3) 19ª rodada da Premier League 2013/2014 (1) 1ª rodada da Premier League 2013\14 (3) 20ª rodada da Premier League (1) 20ª rodada da Premier League 2013/2014 (1) 21ª rodada da Premier League (3) 22ª rodada da Premier League (3) 23 (1) 23ª rodada da Premier League (4) 24ª rodada Premier League (3) 25ª rodada da Premier League (3) 26ª rodada da Premier League (4) 27ª rodada Premier League (2) 28ª rodada da Premier League (2) 2ª rodada da Premier League (2) 2ª rodada da Premier League 2013/2014 (1) 2º rodada Premier League (1) 30ª rodada da Premier League (1) 34ª rodada da Premier League (1) 35ª rodada da Premier League (2) 36ª rodada Premier League (3) 37ª rodada da Premier League (2) 38ª rodada da Premier League (2) 38ª rodada Premier League (1) 38ª rodada Premier League 2013/2014 (1) 3ª rodada Premier League 2013/14 (1) 4ª fase (2) 5ª rodada da Premier League (3) 5º rodada (1) 6ª rodada da Premier League (1) 7ª rodada da Premier League (4) 7ª rodada da Premier League 2013/2014 (1) 8ª rodada da Premier League (4) 9ª rodada (1) 9ª rodada Premier League (2) Abdul Razak (2) Abu Dhabi (1) Academia (19) Adam Johnson (48) Adam Sadler (1) Adebayor (38) ADUG (4) Aguero (86) Agüero (4) Aguero. (1) AJ (13) Ajax (5) Ajax. (1) Al Alin (1) Al Hilal (2) Alan Shearer (1) Alessio Cerci (1) Alex Ferguson (5) Alex Nimely (1) Alexis Sanchéz (2) Alvaro Negredo (16) Amistoso (3) Amistosos (6) Análise Tática (4) Ander Herrera (1) Anelka (1) Anfield Stadium (1) Arsenal (26) Ashley Young (1) Aston Villa (14) Atacantes (5) Aubameyang (1) Audi Cup (1) baines (1) bale (1) Balotelli (76) Barcelona (10) Barclays NY Challange (3) Barclays Premier League (2) Barnsley (2) Barry (35) Bayern (11) Belgica (1) Belhanda (1) Bellamy (16) Bellamy. (1) Bem Haim (1) Ben Mee (1) Benjani (2) Benteke (1) Besiktas (2) Birmingham (4) Birmingham. (1) Blackburn (7) Blog do City (3) Blog na Mídia (1) Blue Moon (1) Blue Moon Rising (1) Boa Vista (1) Boateng (3) Boca Juniors (1) Boca Júniors (1) Bojinov (1) Boleyn Ground (1) Bolton (3) Borussia Dortmund (5) Boyata (7) Boyota (1) Brasil (1) Brasileiros no City (1) Brian Kidd (2) Brian Marwood (1) Bridge (15) Brighton (1) Brittania Stadium (1) Caicedo (1) Camarões (1) Cameroon (1) Camisa nova (2) Campeões (3) Capital One Cup (8) Cardiff City (1) Carling Cup (29) Carlos Tevez (67) Categorias de base (10) Cavani (6) Centro de Treinamento (1) CEO (1) Champions (7) Champions League (54) Champions League 2012/13 (27) Champions League 2013/14 (2) Champions League Sergio Aguero Manchester City Alvaro Negredo Stevan Jovetic Vincent Kompany (2) Chelsea (33) Cisse (1) City (6) City Football Academy (1) City of Manchester Stadium (16) City v United (1) Cityticketx (1) Clichy (12) Community Shield (7) Complex Etihad (1) Comunicado Blog (2) Contratações (12) Contratações 12/13 (5) Contratações 13/14 (1) Contusões (5) Copa da Liga 10/11 (2) Copa da Liga 13/14 (1) Copa das Nações (2) Copa das Nações Africanas (3) Copa do Mundo 2010 (4) Copa Ueda 07/08 (1) Copa Uefa 08/09 (5) Copa Uefa 10/11 (4) Costa do Marfim (1) Costel Pantilimon (10) Crise no City (6) Crystal Palace (2) CSKA (2) Cunningham (1) Curiosidades (2) Daniel Agger (1) Danielle De Rossi (6) data FIFA. (2) David Gonzalez (1) David Luiz (3) David Moyes (1) David Platt (6) David Silva (109) david villa (2) De Jong (25) Deadlineday (1) Defensores (12) Deloitte (1) Demba Ba (1) Demichelis (2) Denis Suarez (4) Derby (32) Derby de Manchester (3) Desfalques (1) Dispensa 10/11 (3) Dispensa 12/13 (1) doping (1) Dubli Super Cup (2) Dunne (2) Dynamo Dresden (1) dzeko (38) Eden Hazard (5) Edin Dzeko (70) Edinson Cavani (2) Edison Cavani (2) EDS (20) Elano (5) Elenco (1) Eliaquim Mangala (2) Eliminatórias Copa 2014 (1) Eliminatórias Euro 2012 (4) Emirates Stadium (1) Empréstimos (3) Empréstimos 10/11 (6) Empréstimos 11/12 (3) Empréstimos 12/13 (5) English Team (3) Enquete (2) Entrevista (36) equipe do blog (1) Espanha (3) Especulação (16) Especulação 08/09 (11) Especulação 10/11 (43) Especulação 11/12 (18) Especulação 12/13 (22) Especulação 13/14 (3) ESPN (2) ESPN Brasil (3) Etihad (1) Etihad Campus (3) Etihad Stadium (70) Etuhu (1) euro 2012 (4) Euro2012 (4) Europa League (10) Everton (14) Executivos do City (15) FA (4) FA Cup (36) FA Cup 10/11 (18) FA Cup 11/12 (10) FA Cup 12/13 (12) FA Cup 2012/2013 (1) FA Cup 2013/2014 (5) FA Cup Final (4) Fabregas (1) Fábrica do City (9) Falcão (1) Fatos Bizarros (14) Ferguson (1) Fernandinho (8) Fernandinho. (1) Fernando (2) Ferran Soriano (8) FFP (2) FIFA (1) FIFA 12 (1) Financial Fair Play (3) Fiorentina (3) Foe (1) Football Association (1) Fox Sports (1) Frank de Boer (1) Fulham (8) Futebol Brasileiro (1) Gabriele Marcotti (1) Gael Clichy (12) Gai Assulin (1) Gareth Bale (4) Gareth Barry (8) Gary Cook (1) Gary Neville (1) George Evans (1) Gerrard (2) Gervinho (1) Gil Vicente (1) Giroud (1) Given (12) Goleiros (4) Gols (32) Grupo D (3) Hamann (1) Hargreaves (5) Harry Redknapp (1) Hart (50) Hazard (2) História (5) Howard Webb (2) hulk (3) Hummels (2) Ibrahim (5) Ibrahimovic (3) Iheanacho (1) Imagem (2) Inglaterra (2) Inter (5) Internacionalizar (1) Internet (1) Ireland (5) Isco (4) Jack Rodwell (6) James Milner (15) James Rodriguez (1) Janela de Transferências (4) Javi Garcia (14) Javi Martinez (1) javier pastore (1) Jerome Boateng (1) Jesus Navas (5) (6) Joan Roman (2) Joe Hart (31) Jogos Olímpicos 2008 (1) John Guidetti (14) Jose Mourinho (2) José Mourinho (6) Juan Mata (2) Karim Rekik (1) Keep Calm (1) Khaldoon Al Mubarak (4) Kia Joorabchian (1) Kolarov (44) Kolo Touré (20) Kompany (46) Kun Aguero (4) Kun Agüero (4) Lampard (1) Lavezzi (1) Lech Poznan (1) Leeds United (2) Leicester City (1) Lendas do City (20) Lescott (38) Liga do Reservas (1) Liga dos Campeões (4) Liga dos Campeões 4ª rodada (1) Liga Europa 10/11 (12) Liga Europa 11/12 (9) Ligue 1 (1) Lille (1) Linha Cronológica (1) Liverpool (21) Llorente (1) Logan (1) Londres (2) Lyon (1) Maicon (8) Maine Road (2) Maine Road FC (2) Málaga (3) Manchester (1) Manchester City (174) Manchester City Arsenal Etihad Stadium Premier League 13/14 Ingressos (1) Manchester City Arsenal Premier League 2013-14 Fixtures Manchester United (1) Manchester City Benfica Alvaro Negredo Stevan Jovetic Fiorentina Sevilla Eduardo Salvio (1) Manchester City Capital One Champions League Premier League Chelsea CSKA Newcastle (1) Manchester City Dortmund Mario Götze Isco Edin Dzeko (1) Manchester City Etihad Airways Bussiness negócios (1) Manchester City Etihad Campus Etihad Stadium Sheikh Mansour Premier League (1) Manchester City Etihad Stadium Premier League (2) Manchester City Fernandinho Premier League Champions League Manchester United Derby Shakhtar Entrevista (1) Manchester City Fernandinho Shakhtar Premier League Season 2013/14 Contratações Manuel Pellegrini (3) Manchester City Ferran Soriano Malaga Manuel Pellegrini New York City (1) Manchester City Hong Kong Champions League Camisa Away (1) Manchester City Ladies (1) Manchester City LG Etihad Stadium Etihad Campus (1) Manchester City Maicon Roma Serie A Premier League (1) Manchester City New York Yankees New York City Major League Soccer MLS NYCFC (1) Manchester City Portugues Site Ferran Soriano (1) Manchester City Racing Club Bruno Zuculini Argentina (1) Manchester City Real Madrid Isco Pellegrini (1) Manchester City Sevilla Jesus Navas Manuel Pellegrini Ferran Soriano Temporada 2013/14 Premier League (1) Manchester City Sheikh Mansour Etihad Campus Etihad Stadium Fernandinho Jesus Navas New York City Transferências (1) Manchester City Tour Nelson Mandela África do Sul (1) Manchester City Transferências Premier League Deadline Day Jovetic Barry Everton Fernandinho Negredo Navas (1) Manchester United (56) Mancini (27) Manoel Pellegrini (1) Manuel Pellegrini (15) Manuel Pellegrini Manchester City Roberto Mancini David Silva (1) Marc Vivien Foe (1) Marco (1) Marcos Lopes (2) Mario Balotelli (42) Mário Balotelli (10) Mário Balotelli. (2) Mario Gotze (1) Mark Hughes (23) Marketing e Propaganda (4) Mata (1) Matija Nastasic (12) MCFC (2) McGivern (2) Meias (12) Melbourne Heart (1) Melhor do Mundo (1) melhor jogador do mês (1) Mercado (2) Messi (1) Micah Richards (36) Michael Johnson (8) Michu (1) Milan (8) Milner (29) Mohammad Abu (1) MotM (32) MotM 10/11 (20) MotM 11/12 (4) Mourinho (1) Napoli (9) Nasri (27) Nastasic (3) Natalie Pike (1) Negredo (1) Negredo. (1) Neil Warnock (1) Neil Young (1) Newcastle (6) NextGen (1) Neymar (1) Nielsen (2) Nigel De Jong (11) Nike (2) Nir Biton (1) Noel Gallagher (3) Norwich (6) Norwich City (3) Notas (2) Nova Era (1) Numeração Plantel 10/11 (1) Oasis (11) Oitavas de final da Carling Cup (1) Old Trafford (1) Onuoha (5) Opinião (37) Oscar (2) Ozil (1) Pablo Zabaleta (9) Pablo Zabaletta (6) Parceria (1) Pellegrini (4) Peter Crouch (1) Petrov (4) Pizarro (6) Platt Lane (3) Polêmicas (7) Pontos Perdidos (1) Porto (9) Pós-jogo (5) Pré-Temporada 08/09 (6) Pré-Temporada 09/10 (4) Pré-Temporada 10/11 (15) Pré-Temporada 11/12 (4) Pré-temporada 12/13 (12) pré-temporada 13/14 (2) Pre-temporada Pre-Season Manchester City Manuel Pellegrini Jesus Navas David Silva Fernandinho Premier League 13/14 (1) Premier (1) Premier Academy League (1) Premier League (160) Premier League 07/08 (6) Premier League 08/09 (3) Premier League 09/10 (8) Premier League 10/11 (46) Premier League 10ª rodada (3) Premier League 11/12 (76) Premier League 12/13 (25) Premier League 13/14 (3) Premier League 14/15 (1) Premier League 1ª rodada (1) Premier League 2012/2013 (12) Premier League 2013/2014 (19) Premier League 2014-15 (1) Premier League 29ª rodada (2) Premier League 31ª rodada (2) Premier League 33ª rodada (1) Premier League 34ª rodada (1) Premier League 6ª rodada (3) Premier League Premier League 13/14 Manchester City Manchester United Everton Tottenham Newcastle (1) Premier League sub-21 (1) Premier League. (3) Preview (41) Projeto do Sheik (54) Promoção Blog Man City (4) PSG (4) QPR (7) Radames Falcão (1) Rafa Benitez (4) Ratings (1) Rayo Vallecano (1) Reading (1) Real Madrid (13) Recordar é viver (1) Renovação de contrato (4) Responsabilidade Social (1) Retrospectiva 2011/12 (11) Retrospectiva da temporada (11) Richards (10) Rio Ferdinand (1) Roberto Mancini (194) Roberto Mancini Manchester City Gazzetta Dello Sport (1) Roberto Mancini Manchester City MEN Gazzetta Dello Sport (1) Robinho (27) Roma (1) Roman Abramovich (1) Roque Santa Cruz (1) Rumores (4) Rumours (2) Saint Etienne (1) Samir Nasri (33) Santa Cruz (14) Santiago Bernabéu (1) Savic (12) Scapuzzi (2) Scott Sinclair (10) Seleção Argentina (1) Seleção Brasileira (1) Seleções (4) Sergio Aguero (62) Shakhtar Donetsk (1) Shaun Goater (1) sheikh mansour (15) Silva (17) Sky Sports (1) Sneijder (2) Soccer City in the Community (1) Southampton (6) Sporting Lisboa (3) St Mary's Stadium (2) St. Mary's Stadium (1) Stadium of Light (2) Stamford Bridge (3) Stevan Jovetic (9) Stoke City (13) Stuart Taylor (2) Sturridge (2) Suarez (2) Sub-18 (1) summer transfers (2) Sunderland (11) Super Sunday (1) Swansea (13) SWP (8) Sylvinho (3) Taison (1) tecnologia móvel (1) Temporada 2012/2013 (3) Temporada 2013/2014 (2) Tevez (132) The Hawthoms (1) Thiago Silva (3) Thomas Muller (1) Tottenham (18) Toure (7) Toure's (3) Transferência (1) Transferência 08/09 (5) Transferência 10/11 (17) Transferências (23) Transferências 11/12 (11) Transferências 12/13 (14) Txiki Begiristain (3) Txiki Berigistain (1) UCL (5) UCL 1ª rodada (1) UEFA (7) UEFA 12/13 (2) UEFA 13/14 (4) UEFA Chamipons League (1) UEFA Champions League (27) UEFA Europa League (1) UEL (1) Umbro (2) Uniforme (1) Uniforme 2010/2011 (3) Uniforme 2011/2012 (2) Uniforme Novo (1) United (9) Valência (1) Van Persie (5) Viagogo (1) Vidal (1) Vídeo 11/12 (1) Vídeos (3) Vieira (21) Viktoria Plzen (5) Villarreal (4) Villas Boas (1) Vincent Kompany (35) Vydra (1) Wabara (1) Walcott (1) Watford (2) Wayne Bridge (1) Wayne Rooney (4) WBA (2) Weidman (1) Weiss (5) Wembley (5) Wenger (1) West Bromwich (7) West Ham (13) Wigan (11) wilshere (2) Wolves (3) Wright-Phillips (15) Wright-Phillips e Santa Cruz (1) Yaya (11) Yaya Toure (120) York (1) Zabaleta (38) Zacharias Faour (1) Zola (1)